20
Sex, Out

CONAB anuncia novos leilões de milho para garantia de preços ao produtor

Insumos
Typography

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) anunciou, na terça (18), novos comunicados para leilões de Prêmio de Escoamento de Produto (PEP) e do Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (PEPRO) para os produtores de milho dos Estados de Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Os leilões serão realizados nesta quinta (20).


Dessa vez, os prêmios anunciados pela Companhia devem garantir a comercialização de milho ao preço mínimo fixado em R$ 19,21 por saca de 60 quilos para os produtores rurais de Goiás e Mato Grosso do Sul.

Nas duas últimas semanas a Conab havia realizado leilões de PEP e PEPRO, mas os prêmios ofertados não foram suficientes para garantir a venda do milho ao preço mínimo. Com isso, a comercialização do produto via esses instrumentos foi insignificante.


Por isso, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) enviou um ofício ao ministro Blairo Maggi (MAPA) solicitando a revisão da metodologia de cálculo dos prêmios, para que os valores ofertados garantissem o preço mínimo fixado pela Conab.


Na sexta-feira (14), uma reunião técnica foi realizada entre CNA e MAPA. O objetivo foi para que o MAPA esclarecesse a metodologia adotada e para que a CNA reforçasse a necessidade da oferta de prêmios mais altos pela Conab, visando a efetividade dessa política de apoio ao produtor.


Conforme Comunicado da Conab nº 150 de 18/07/2017, o valor máximo do prêmio de abertura para os Leilões de PEP e PEPRO de 20 de julho será de R$ 4,10 por saca para o Estado do Mato Grosso do Sul. Para Goiás o valor será de R$ 3,26 por saca.

Com esses prêmios ofertados, os produtores rurais desses estados poderão participar dos leilões para comercializar parte de sua safra ao preço mínimo.

Sign up via our free email subscription service to receive notifications when new information is available.